Ansel Elgort e Edgard Wright vieram para o Brasil durante a última semana e deram um show de simpatia, carisma e talento. O ator e o direto vieram promover Em Ritmo de Fuga, um dos filmes mais comentados do momento e que tem potencial para ser um dos melhores do ano.

Escrito e dirigido por Edgard, o longa traz um misto de emoção, ação, romance e uma trilha sonora MA-RA-VI-LHO-SA.

Durante a coletiva de imprensa, eles contaram como foram feitas as cenas de perseguição de carro, já que Ansel interpreta Baby, um motorista de fuga de uma organização criminosa.

“Ansel teve que aprender a fazer aquelas manobras todas. Teve um pouco de tudo, ele dirigindo sozinho, dublê, mas 95% das cenas foi feita para valer mesmo, sem uso do chroma key”, contou o diretor. “Tive que treinar muito para aprender a fazer aqueles truques todos”, emendou Ansel.

Durante o filme, que é diretamente ligado com a trilha sonora que se passa no IPod de Baby, também é possível ver o personagem dançando. Para aprender alguns passos, Ansel contou com uma pessoa fundamental.

“Quem me coreografou, foi o mesmo profissional que faz os clipes da Sia”, contou ele.

Sobre a trilha sonora, Wright revelou que todas as músicas já estavam mais do que escolhidas há anos e que elas realmente estavam tocando durante as cenas.

“Todas já estavam no scritp. Pelo menos 25 delas já estavam “programadas”, até porque seria um desastre começar a rodas o filme sem que essas músicas estivessem totalmente resolvidas. Ansel ouviu as músicas o tempo todo, às vezes os outros atores também estavam escutando, mas ele realmente estava ouvindo cada uma delas nas cenas”, contou o diretor.

Veja Também:  Confira o novo trailer de Annabelle 2: A Criação do Mal

Ansel também fez questão de falar sobre sua relação com a trilha sonora.

“Eu tive acesso às músicas em 2014, quando eu fiz a audição para interpretar o Baby e desde então, eu estudei muito cada uma delas para ficar bastante familiarizado”.

Feliz com a recepção em solo brasileiro, Ansel contou como é a relação com os fãs e como é ser visto como um “crush” universal.

“Eu fico super feliz com isso, eu amo meus fãs e ainda bem que minha namorada leva na esportiva (risos). Quando comecei a divulgar o filme, pedi para que os fãs usassem o Twitter para pedir que a Sony Pictures trouxesse a gente para o Brasil e fomos ouvidos”, concluiu ele.

Em Ritmo de Fuga já está disponível em todos os cinemas do Brasil.

Para quem quer saber mais, se liga na sinopse:

O jovem Baby (Ansel Elgort) tem uma mania curiosa: precisa ouvir músicas o tempo todo para silenciar o zumbido que perturba seus ouvidos desde um acidente na infância. Excelente motorista, ele é o piloto de fuga oficial dos assaltos de Doc (Kevin Spacey), mas não vê a hora de deixar o cargo, principalmente depois que se vê apaixonado pela garçonete Debora (Lily James).