O desfile da Pérola Negra na noite do último sábado (22) foi um verdadeiro colírio aos olhos. É que a escola levou 27 modelos para avenida no seu abre-alas, de capas de revista, musas dos times de futebol a influenciadoras digitais, as beldades mostraram toda a beleza da mulher brasileira. 

A bordo de uma fantasia glamourosa, que valorizava a beleza e a riqueza das mulheres indianas, que deram origem às ciganas, enredo da escola, as beldades esbanjaram sensualidade de carisma durante a passagem pelo Anhembi e levaram os foliões à loucura. 

 

Aos gritos de “lindas” e “maravilhosas”, as modelos sambaram para valer e mostraram toda a beleza para o mundo. “Foi uma experiência única, estou em êxtase porque, apesar de todas as dificuldades, fizemos um desfile maravilhoso”, disparou Priscila Kimura, destaque central do abre-alas, se referindo ao fato de a Pérola Negra ter perdido cerca de 40% das fantasias em uma enchente que atingiu a cidade de São Paulo.

 

Veja Também:  Maisa Pacheco dá dicas para um amigo secreto apimentado!

O projeto de levar modelos para escolas de samba é encabeçado pelo empresário Lipe Aramuni, que realiza o trabalho à 7 anos. “Em 2020 batemos o recorde ao levar 27 modelos ao mesmo tempo em um mesmo carro alegórico. Foi um desafio, porém muito recompensador. A Pérola Negra foi sem dúvida a escola mais bonita na avenida.”, disse o empresário, que já realizou o mesmo trabalho em escolas como Acadêmicos do Tucuruvi, Leandro de Itaquera e Colorado do Brás.

 

Compartilhe