Nascida no interior da Paraíba, a humorista Gessica Kayane – também conhecida como Gkay – participa do ‘Luciana By Night’ desta terça-feira (12). No auge de seu sucesso, ela revela durante bate-papo com Gimenez que a persistência e a autenticidade são peças fundamentais para conseguir se destacar em um mercado predominantemente masculino.

“Existe muito preconceito, mas tem que peitar mesmo, tem que mostrar o que a gente é. Está faltando mulher no humor porque o humor feminino é contado sempre pelos homens e não é contado na versão da gente. TPM, depilação, não são coisas contadas da maneira como a gente vive”, afirma.

Otimista em relação ao crescimento do número de mulheres humoristas no país, ela relembra comentários ofensivos que chegou a receber no início da carreira. “Uma vez o cara disse para mim: ‘Ah, não sei porque você está fazendo isso, você sabe que mulher não é engraçada. Você sabe que mulher não sabe fazer humor’. Já ouvi muito isso”, conta.

Gessica também costuma receber mensagens de desabafo de suas seguidoras envolvendo o receio de expor quem realmente são. “Elas mandam: ‘Poxa, Gkay, quando estou em casa sozinha faço isso que você faz, mas não tenho coragem de fazer na frente de ninguém, não tenho coragem de mostrar meu jeito’, e eu já fui assim, né. Por muito tempo tentei ser aceita de um jeito que não tinha nada a ver comigo”, diz, explicando que se libertou após começar a trabalhar com a internet, em 2013

Veja Também:  Villa Country traz Festival Sertanejo com Munhoz & Mariano
Foto: Divulgação / RedeTV!

Fenômeno na web, a artista possui atualmente quase 1 milhão de inscritos em seu canal no YouTube e mais de 4 milhões de seguidores em sua conta no Instagram. Na semana passada, a música ‘Eu Vou, Tu Vai’ – feita em parceria com os também humoristas Whindersson Nunes, Tirullipa e Carlinhos Maia – ganhou o troféu CarnaUOL como hit do verão 2019.

Foto: Reprodução
Compartilhe