A Miss Bumbum Tocantins 2016 e ex-atriz de filmes adultos, Débora Dunhill, esteve no Fórum da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, onde responde a um processo de ato obsceno. O julgamento aconteceu nesta terça-feira (23). Ao Mais Mídia, a loira contou que foi condenada a pagar três salários mínimos – o equivalente a R$ 2.800,00 – a uma instituição de caridade.

A confusão aconteceu no ano passado, quando Débora e um ator gravaram uma cena de sexo em plena areia da praia. Uma pessoa que passava pelo local gravou e o vídeo viralizou na internet. Com acesso às imagens, a Polícia Civil responsabilizou a atriz, o ator e o produtor da cena.

Veja Também:  Será? Disney pode comprar Fox e passará a ser dona do universo X-Men

“Finalmente encerrou meu pesadelo”, disse assim que deixou o fórum. “Aceitei a transação penal e vou pagar o que devo. Fiquei constrangida com tudo isso porque realmente só fiz o meu trabalho enquanto profissional. Afinal, atriz de filmes adultos também é uma profissão e merece respeito. Não esperava toda essa repercussão. Apenas cumpri o contrato e gravei a cena. A escolha da praia não foi minha, foi da produtora. Mas agora está tudo certo, estou com a consciência tranquila”.

Foto: Mais Mídia
Foto: Mais Mídia
Foto: Mais Mídia