Você já ouviu falar em multimasking? Depois do “contorno palhaço”, esse é o novo hit de beleza do Instagram. O método coreano consiste em aplicar múltiplas máscaras faciais, cada uma com uma finalidade diferente e que atende a necessidades específicas de cada parte do rosto. Por exemplo, um tratamento para diminuir a oleosidade do nariz, testa ou queixo, enquanto uma máscara de hidratação faz efeito nas maçãs e têmporas.

“Executar vários tratamentos ao mesmo tempo permite personalizar, otimizar e potencializar os resultados”, explica Natalia Nascimento, esteticista da NN Estetica (RJ).

O método não exige regras, o importante é atender as características particulares de cada rosto. Por exemplo, se surgirem manchinhas, ou se a pele ficar oleosa, é possível modificar as combinações de máscaras usadas.

Segundo Natalia, o tratamento serve para espinhas, cravos, oleosidade, rugas, linhas de expressão e manchas no rosto. A especialista dá dicas das opções que podem ser usadas para cada área do rosto:

Veja Também:  Haroldo Jr. prepara novo repertório e aproveita quarentena para reciclagem musical

Máscara argila rosa: peles normais e secas. Ajuda a suavizar linhas de expressão.

Máscara argila dourada: serve para todos os tipos de pele. Ajuda a amenizar manchinhas e estimula o colágeno da pele.

Máscaras de argila verde: serve para peles mistas e oleosas. Ajuda em peles com acne e cravos.

Máscara argila vermelha: esfolia e renova com delicadeza as áreas mais irritadas do rosto.

Máscara de argila preta: é aquela ideal para fazer um verdadeiro detox e garantir o brilho ideal onde a pele for mais opaca.

Compartilhe