Na última quarta-feira (13) a blogueira Kéfera postou em seu canal do YouTube uma paródia com a música Work da cantora Rihanna. Antes mesmo de lançar na rede sua versão satirizada da música, a blogueira sofreu críticas negativas de seus seguidores ao postar uma foto do bastidor da gravação em seu Instagram.

Depois que a paródia foi ao ar a opinião da maioria não mudou, muito pelo contrário, críticas mais fortes surgiram. Kéfera foi acusada de racismo e teve seu vídeo retirado da rede social de vídeos.

Ao resolver o imprevisto a blogueira postou em seu Facebook um comunicado os seus seguidores dizendo que o vídeo foi retirado por uma denúncia da Warner que reivindicou direitos autorais. A morena ainda alegou que no Brasil as paródias são liberadas e que o vídeo não era monetizado, já que a música não era de sua autoria, e por isso não deveria ter esse tipo de problema.

Veja Também:  Dayanna Maia investe na carreira de atriz e sai da sombra do pai, Latino

Kéfera repostou a paródia em seu Facebook e pediu para que seus fãs divulgassem ainda mais sua grande brincadeira que já chegou a marca de um milhão de visualizações.