A história da famosa viagem do economista Gabriel Buchmann pela África, que terminou com a morte do carioca em uma montanha no Maláui, chegará às telas dos cinemas com “Gabriel e a Montanha”, segundo longa-metragem de ficção do diretor Fellipe Barbosa.

A coprodução entre Brasil e França, rodada em quatro países do continente africano, acaba de liberar o trailer, que mostra Gabriel, interpretado por João Pedro Zappa, vivendo como um local nos quatro países pelos quais passou: Quênia, Zâmbia, Tanzânia e Maláui. Após exibição no Festival do Rio, no dia 11 de outubro, o filme estreia no Brasil em 2 de novembro.

Gabriel Buchmann viajou para a África com o objetivo de analisar de perto a pobreza e se preparar para um doutorado em políticas públicas na Universidade da Califórnia. O carioca morreu de hipotermia, em 2009, após decidir subir o Monte Mulanje, pico mais alto do Maláui, com mais de três mil metros de altitude, sem a companhia de um guia. Seu corpo foi encontrado 19 dias depois na subida da montanha. O longa tem roteiro baseado em anotações, e-mails de Gabriel para a mãe e a namorada e entrevistas com pessoas que cruzaram seu caminho na África.

Veja Também:  Capa da Sexy, Elga Shitara estrela novo ensaio erótico: “o nu é só um detalhe”

SINOPSE

Antes de entrar para uma Universidade americana de prestígio, Gabriel Buchmann decide viajar o mundo por um ano, carregado de sonhos. Depois de dez meses na estrada, ele chega ao Quênia determinado a descobrir o continente africano. Até chegar ao topo do Monte Mulanje, seu último destino.

Confira o trailer:

Compartilhe