Natural de Monteiro, no interior da Paraíba, Anielle Maracajá se mudou ainda adolescente para Londres, na Inglaterra. Lá se especializou em psicanálise, casou-se e teve dois filhos, um de 7 e outro de 11 anos. Para inspirar outras mulheres e celebrar o empoderamento feminino, ela aceitou o convite da revista Sexy para ser capa da publicação de maio.

“É muito bom quando a gente se aceita, e passa a se gostar mais. Isso ficou visível no ensaio, fiquei à vontade principalmente por defender o poder da mulher. Esse é um ensaio mais mulherão. Ficou provocante na medida. Eu diria que a revista ficará bem refinada”, diz Anielle, de 29 anos.

Produzido em uma mansão, o ensaio tem uma linguagem clássica e tem como tema o poder feminino. Com lingeries ousadas e muitos acessórios dourados, Anielle abusa do carão. “Fiquei ousada e poderosa. Quis mostrar esse lado da mulher, que pode fazer o que quiser, que pode ser quem quiser. Quero levantar essa bandeira”.

Veja Também:  HBO é vítima de hackers e tem roteiro de Game of Thrones divulgado na internet

Para manter a boa forma, a beldade garante que não entrou na onda fitness. Ela leva uma vida normal e come de tudo. Também não costuma treinar na academia. “A genética é boa”, brinca. Porém, Anielle não esconde que já fez algumas plásticas. “Coloquei próteses de silicone nos seios e fiz lipoaspiração depois da minha gravidez. Vejo a medicina como aliada”, diz.

A revista chega às bancas de todo o Brasil na primeira semana de maio. Para comemorar o lançamento do seu primeiro nu, Anielle ainda vai armar festa em São Paulo para convidados e imprensa.

Compartilhe