quinta-feira, 30 junho, 2022
HomeMúsicaDJ, advogada e inspiração feminina: Como Fe Bardi estreou como produtora em...

DJ, advogada e inspiração feminina: Como Fe Bardi estreou como produtora em coletânea de gigante da música eletrônica

Primeiras músicas da artista são collabs com o conceituadíssimo Rey Vercosa, em compilação cujo primeiro volume concorreu a indicações ao Grammy

Imagine o seguinte cenário: você possui uma carreira de mais de dez anos no mundo corporativo e sua paixão pela música te leva a montar playlists para festas e eventos sociais com os amigos. As coisas vão evoluindo naturalmente, e quando você percebe, virou DJ profissional, com direito a lançamento das primeiras faixas em uma coletânea de um hitmaker de renome internacional. Essa é a história de Fe Bardi.

Natural da cidade de Santos, mas atualmente baseada em Alphaville — bairro nobre do  estado de São Paulo, a cerca de 30km de distância da capital —, Fe vem traçando um caminho bastante singular, que recentemente atingiu seu ponto mais alto com o lançamento de “Ibiza Summer 2022 – Rey Vercosa, Gabzy And Friends” (ouça aqui).

Trata-se do quinto volume da coletânea criada pelo prestigiadíssimo Rey Vercosa em 2017. Lançado no último dia 10 pela RV Records, o disco traz 27 produções de Vercosa na parceria de outros produtores, como Gabzy, Dre Guazzelli, Alex Corban e Dot Larissa. E três delas — as melódicas “Stay The Night”, “Light Projection” e “Life Is Just Magical” (respectivamente, as faixas 1, 6 e 17) — são justamente os primeiros lançamentos oficiais da artista.

Para compreender melhor a dimensão desse feito, é importante voltarmos um pouco no tempo para contar como foi que a advogada e diretora executiva de prestígio Fernanda Bardi acabou virando DJ, depois de perceber que o que havia começado despretensiosamente, como hobby, se tornou uma paixão arrebatadora.

“Eu já fazia branding musical para algumas marcas, mas nada sério. Então comecei a montar playlists e sets prontos para eventos e festas. Fazia por amor. Em 2020, realmente entendi que poderia me dedicar a ser DJ, e então fui estudar e aprender cada vez mais. Tive o privilégio de ter amigos que me ensinaram muito sobre a profissão, o olhar para o público e técnicas de mixagem, como o DJ Torrada e o Ilya Simioni. E assim as coisas foram acontecendo”, conta a paulista.

E como foram acontecendo! Apesar do período nebuloso de pandemia, Fe Bardi conseguiu rapidamente fechar com eventos e clubes como Camarote N1, Réveillon do Zé Maria, Antonella Maison, Mahau, Carat, Select Music (festival com Kolombo), Tetto y Aragon e 300 Cosmo (em Jurerê e em São Paulo, onde abriu para a ucraniana Korolova) — isso sem mencionar festas particulares de celebridades como Sabrina Sato, Adriane Galisteu e Rodrigo Faro, e de marcas como Louboutin. Em 2021, tornou-se residente do Cafe de La Musique em São Paulo, e mais recentemente, saiu em sua primeira turnê internacional, onde tocou no Terrace Afterhours, em Las Vegas, e no badalado Paris Tokyo, em Los Angeles.

Com a evolução na discotecagem, naturalmente, o interesse pela produção musical também fluia. Depois de algumas idas e vindas estudando o ofício, passou a focar com mais seriedade nos últimos 12 meses, quando teve a oportunidade de ter aulas particulares com o próprio Rey Vercosa — produtor, cantor, compositor e multi-instrumentista paulistano, que construiu sua carreira na Europa, marcou seu nome em Ibiza durante mais de 15 anos, tocou com expoentes do calibre de Tiësto, Fatboy Slim, Bob Sinclar e Luciano, e tornou-se membro oficial do Grammy pelos Estados Unidos, depois que a sua “Ibiza Summer 2017” conquistou a atenção da academia.

“Eu já havia estudado produção um tempo atrás, mas estava com dificuldade de encontrar minha linha musical. Foi quando eu conheci o Rey por conta de um amigo em comum, e começamos a falar sobre possíveis parcerias. Quis fazer um curso com ele para me aperfeiçoar e poder contribuir de fato nessa collab. Como o álbum estava em andamento, acabou que fomos estudando e produzindo ao mesmo tempo. Ali eu já havia amadurecido no melodic house, então já tinha muito claro o que queria lançar”, explica Fernanda.

Veja Também:  MC Mari e DJ Will DF assumem publicamente relacionamento

“O Rey me apresentava uma ideia e eu ia ajustando, tirando elementos que não me agradavam, dando destaque aos instrumentos — como em ‘Stay The Night’, que tem um piano lindo —, ou mesmo mudando o break, para que fosse possível criar emoção, que é uma marca muito forte minha. A parceria com ele foi muito orgânica. Conseguimos nos comunicar muito facilmente e ajustar para um resultado que os dois gostaram. Além de ele ser um gênio, claro”, complementa. 

Além da já destacada “Stay The Night”, “Life Is Just Magical” foi outra colaboração muito especial para a artista, que pôde trabalhar também com a cantora Fernanda de Lima (ex-The Voice) em uma mensagem mais profunda e especial.

“Essa música foi feita no início da guerra da Ucrânia. Queríamos uma canção de paz, que pudesse traduzir aquilo que acreditamos representar a gratidão pela vida, e passar que somos responsáveis por um mundo melhor. Quando ouvi a voz da Fernanda de Lima, me apaixonei na hora. Vamos lançar um videoclipe para levar essa mensagem para o máximo de pessoas”, pontua.

Oriunda de uma família de músicos em outras gerações, Fe Bardi quer aproveitar esse incrível pontapé inicial no mercado para solidificar, cada vez mais, seu projeto artístico. Ainda assim, ela não pensa em abandonar o mundo jurídico:

Conciliar as carreiras de DJ e advogada é algo que acontece de forma bastante orgânica na minha vida, pela facilidade de poder trabalhar em uma durante o dia e na outra mais à noite ou no final de semana. Escuto música quase que dez horas por dia, buscando as referências que preciso. Eu acredito que podemos ser várias coisas ao mesmo tempo, então eu sou DJ, advogada e produtora full time“.

Para o futuro, Fe prefere não entregar informações mais detalhadas de seus próximos passos, mas fala em novos sons, busca por igualdade de gênero e sobre como tem sido referência para outras mulheres:

“Além do vídeo de ‘Life Is Just Magical’, vou lançar uma nova música um pouco mais melodic techno, trabalhar em alguns remixes para compor um set cada vez mais autoral e me dedicar ao YouTube, pois acredito muito na produção de conteúdo”.

“Fora isso, continuar estudando sempre, me dedicar, buscar oportunidades e mais igualdade nos lines. Hoje, ouço muito que sou inspiração para outras mulheres. Nós podemos correr atrás de nossos sonhos e ignorar as crenças limitantes. Nunca pensei em ser inspiração para ninguém, mas se eu puder influenciar as pessoas a serem cada vez mais felizes, já valeu a pena todo o esforço”.

=> Ouça “Ibiza Summer 2022” aqui.

=> Ouça “Stay The Night” aqui.

=> Ouça “Light Projection” aqui.

=> Ouça “Life Is Just Magical” aqui.

=> Instagram @febardi_

#PortalMaisMidia #ClaudeLopes #FeBardi

Avatar
Claude Lopes
Baiano de Itiúba, radicado em São Paulo há mais de 30 anos. Repórter, Pesquisador Musical, Blogueiro, Produtor e Editor de conteúdo, Consultor Musical, Roteirista, Redator e Diretor de programa, Web Designer. @claudelopes70

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here

VEJA TAMBÉM:

spot_img