quinta-feira, 30 junho, 2022
HomeNegóciosHermann Greb: trader que começou sua carreira há 20 anos, relata sua...

Hermann Greb: trader que começou sua carreira há 20 anos, relata sua trajetória e conta porque é um dos mentores da área mais destacados atualmente

O paulistano possui sólida experiência no mercado financeiro

Um engenheiro que acabou enveredando pelos altos e baixos do mercado financeiro, que se encontrou profissionalmente nessa área e hoje atua como mentor dos mais destacados: assim é o paulistano Hermann Greb.

Descendente de alemães, Hermann que tem 42 anos, trabalha com investimentos há 20 e possui experiência efetiva na área, ao contrário de grande parte dos atuais ‘coachs’ que pululam na internet. É ele quem conta como foi o começo de sua trajetória: “Na adolescência eu frequentava o centro de São Paulo com minha mãe e um dia, vendo a movimentação na Bolsa de Mercadorias e Futuros ( BM&F) , tive o desejo de saber como seria trabalhar lá. Como minha mãe era funcionária pública e tinha uma boa rede de contatos, tive acesso inicial àquele ‘universo’ e logo de cara me interessei muito.

Na época, 1997, nos tempos da internet discada, comecei a pesquisar sobre mercado financeiro, investimentos, como operar na bolsa de valores e fui me interessando cada vez mais. Tanto que conversei com meus pais e falei que era naquela área que gostaria de trabalhar, mas até então, se achava que só pessoas ricas podiam ter acesso à bolsa. Como naquele tempo não havia as facilidades atuais que permitem acesso aos investimentos pela internet, tudo parecia mesmo mais distante, Apesar disso, decidi que trabalharia no mercado financeiro e não seria funcionário de ninguém. Mais tarde, em 2002 e 2003 eu já havia feito estágios em construtoras de grandes obras tanto no Brasil e no exterior e foi uma experiência no Brasil que me levou a ser convidado para trabalhar como trainee no Oriente Médio. Assim, fiz um estágio fora do Brasil e na época fiquei um ano e pouco trabalhando, mas também viajando por vários países europeus e tendo a oportunidade de conhecer pessoas que já operavam no mercado através da internet”, recorda.

É importante destacar que em sua viagem pela Europa Hermann fez uma MBA na universidade de Bonn na Alemanha, na sequência voltou para o Brasil e o seu próximo destino foi os Estados Unidos.

Assim, ao voltar para o Brasil, Hermann já havia decidido que trabalharia como trader. “ Quando voltei, já comecei a investir na bolsa, vendi o carro da família para isto, meus pais não concordaram, de início, mas expliquei que era este o trabalho que queria fazer. E, apesar de ter perdido dinheiro naquele primeiro investimento, eles concordaram que eu fosse fazer um curso regulatório dos EUA, na Califórnia, para saber mais sobre a área em que queria trabalhar”, salienta.

Seis meses depois, já de volta ao Brasil, Hermann já atuava na área, havia recuperado o montante investido na etapa anterior e foi aí que recebeu uma ligação que mudaria sua vida. “Um órgão americano me indicou para atuar como trader na América do Sul para um investidor venezuelano. Conversamos, comecei a trabalhar e os clientes começaram a chegar em razão das indicações feitas entre pessoas do mercado. Em 2006 eu já tinha 500 clientes com no mínimo um milhão de dólares, mas deste tamanho, eu já tinha contratos em bancos europeus. Minha vida mudou totalmente e de forma rápida, mas antes, em 2005, tive um problema com a CVM (Comissão de Valores Imobiliários) que foi um aprendizado, pois fez com que eu buscasse mais conhecimento. Tudo que aconteceu nessa ocasião deixou claro que havia muita informação nessa área que eu desconhecia. Ressalto que consegui resolver este problema, totalmente, em 2013. Em 2014, comecei a adquirir negócios no mercado físico, abri uma incorporadora que não deu certo, abri uma factoring, comprei participação em uma empresa que atendia a Caixa Econômica Federal, entre outros negócios”, destaca.

Veja Também:  Musa fitness, Karla Lima posa nua e revela: “sou bissexual”

Sobre o problema vivido, que o levou a ter gastos com advogados, mas também trouxe muito aprendizado e fez com que ele ficasse mais atento e continuasse sua trajetória buscando cada vez mais conhecimento sobre os meandros do mercado financeiro, Hermann salienta. “Tudo isso, apesar de ter me deixado triste, também me fortaleceu e vi que empreender nesta área, sabendo mais sobre os riscos, poderia me oferecer a chance de migrar para a área da educação financeira… Pensei que se pudesse ensinar as pessoas a investirem com mais preparo, me sentiria realizado”, conclui.

E foi exatamente isto que Hermann fez. Hoje seu foco é mentoria, é oferecer todo o conhecimento que adquiriu, na prática, às pessoas que desejam investir mais não sabem como fazer isto. “Meu maior objetivo hoje é passar para as pessoas, através da mentoria que criei em várias etapas, todo o conhecimento que adquiri em todos estes anos de aprendizado”, destaca.

Hermann também lembra os dois grandes desafios que, segundo ele, também o marcaram e o fortaleceram: “Vivi dois grandes desafios, o primeiro foi manter a autoestima apesar do problema com a CVM… Não foi fácil, pois na época eu tinha somente 25 anos e não agi por má fé e, sim, por falta de informação. Por isso, fui em busca de conhecimento, hoje tenho um produto autorizado pela CVM e tudo que penso em fazer nessa área, procuro antes saber se está dentro do que é permitido. O segundo desafio foi entender como ‘funciona’ o mercado brasileiro e oferecer resultados que tenham a ver com este mercado. Hoje vejo nas redes sociais pessoas que vendem mentoria em investimentos, mas não conhecem o lado prático do mercado. Eu conheço, por isso, sei que tenho o que ensinar, de fato, Meu maior desafio hoje é postar e mostrar resultados pros meus alunos, a confiança deles é essencial e tenho recebido inúmeros depoimentos de pessoas que obtiveram conhecimento produtivo, que gerou ganhos, através do que publiquei. Estas pessoas me agradecem e este é o maior ganho que eu poderia desejar’, destaca. “Eu alcancei o sucesso em dois períodos: o primeiro foi entre 2006 e 2008, quando vivi uma fase extraordinária e formei um bom patrimônio, Hoje trabalho nas redes sociais oferecendo meu conhecimento, ajudando as pessoas a prosperarem com toda a experiência que tenho no mercado, comprando e vendendo ativos de câmbio na Bovespa. Tudo isso me deixa muito feliz e realizado, ver as pessoas aplicando o que ensino e alcançarem bons resultados a partir do que ensinei. Para mim, o maior de símbolo de sucesso hoje, é ter a capacidade de envolver pessoas e transformá-las através do meu conhecimento. O que eu entrego de conteúdo, da minha vivência e história realmente muda a vida de muita gente”, finaliza.

Para saber mais sobre o trabalho de Hermann Greb acesse:
https://www.instagram.com/hermanngreb/

Da redação
Da redação
Matérias e conteúdos produzidos por parceiros do Portal Mais Mídia

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here

VEJA TAMBÉM:

spot_img