Dj Marlboro mais uma vez quebrando paradigmas, realizou nesta terça feira uma live especial do projeto 30 anos de Funk Brasil de dentro da Biblioteca Parque Estadual do Rio de Janeiro, onde funciona a secretaria de Cultura do Estado.

Várias personalidades do movimento funk estiveram presentes. MCs esses que são os pioneiros em cantar o funk em português, dando origem a muitos que estão fazendo sucesso na atualidade e sequer lembram de sua raiz.

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado do Rio de Janeiro, Danielle Barros, recebeu uma placa comemorativa com o primeiro LP Funk Brasil, onde se deu o grande marco no movimento Funk.

“A Biblioteca Parque Estadual é a casa de todas as artes. E o funk carioca representa uma verdadeira manifestação cultural. Por isso, abrir as portas para a live “30 Anos do Funk” foi um momento muito especial ” disse Danielle Barros

O projeto 3293 foi patrocinado pela Lei Aldir Blanc no edital Retomada Cultural RJ – termo de compromisso n 0385 RCB/ 2020 e prestigiou diversos compositores que marcaram uma geração e por conta da pandemia tiveram seus trabalhos prejudicados.

Reginaldo Hermínio, Danielle Barros, Dj Marlboro e Dj Cirrose

“A idade chega, pesa … Não somos mais jovens. Temos que nos resguardar, zelar mais por nossa saúde, somos da área de risco nessa maldita pandemia, estamos cascudos e nosso setor de trabalho, o entretenimento, vem a ser o mais prejudicado! Queremos trabalhar, queremos pagar nossas contas, sustentar nossas famílias. Mas entendemos os riscos das aglomerações, temos fé que os órgãos competentes irão achar uma solução” disse Mc Pixote da Cidade Alta

Veja Também:  Conheça o dentista Dr. Juliano Máximo que apresenta estratégias de tratamentos odontológicos

“Ver de perto a retomada da arte em nosso estado é emocionante, porque falamos dos cantores no palco, da apresentação, mas também de uma série de profissionais do backstage que voltam a trabalhar em seu ofício.” Conclui a secretaria

O presidente da liga das equipes de som do RJ, Reginaldo Hermínio, vibrava com a esperança de que possa estar perto a retomada dos eventos “Somos a história do Funk”

Estiveram presentes se apresentando no evento: Dj Marlboro, Dj Cirrose, Abdulah, Cashemere, Mr. Mu, D`eddy, Junior e Leonardo, Mc Andinho, Mc Cacau, Mc Padilha, Mc Pixote, Mc Neném, Rony e Sargento, Nélio e Espiga, Mc Chocolate, Mano Cacau, Mc Serginho e Vaguinho dos Caçadores

É a cultura escrevendo histórias, gerando emprego e garantindo a retomada dos investimentos em todo estado.

 

Fotos: Dj Xande/Divulgação: Newma Santiago

Compartilhe

Warning: A non-numeric value encountered in /home/portalmaismidia/www/wp-content/themes/Newspaper_old/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009