Jéssica Lopes, que também é conhecida como a Peladona de Congonhas, tem um histórico extenso com a avenida do samba. A loira já desfilou como musa da Grande Rio, no Carnaval do Rio de Janeiro, além de defender a Império de Casa Verde e a Nenê de Vila Matilde, em São Paulo.

Atenta às propostas oferecidas pelas escolas de samba e criticou a venda de cargos para ser musa do Carnaval, conforme vem recebendo os valores de alguns carnavalescos. “Já foi o tempo em que as musas eram realmente convidadas a desfilar com eles pela paixão pelas escolas. Hoje é tudo preço”.

Veja Também:  Conheça o segundo EP de “Resumo da Felicidade” da Simony

Jéssica só parou de desfilar quando precisou ser internada para tratamento contra um câncer de colo de útero, em 2016. Atualmente, durante a sua passagem pelo Brasil após anos morando na Europa, ela revela sua vontade de voltar para as pistas, mas sem fazer parte do mercado das escolas de samba. “Já é um mercado prostituído. Todas pagam”.

Foto: Eduardo Biermann
Foto: Eduardo Biermann
Foto: Raul Zito
Foto: Raul Zito
Compartilhe

Warning: A non-numeric value encountered in /home/portalmaismidia/www/wp-content/themes/Newspaper_old/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009