O nome pode soar familiar – e é. Um trocadilho com a música de Bob Marley, “Punky Reggae Party”, nomeia o projeto que promete misturar o melhor do rap com o reggae nacional.

Apesar de o álbum do projeto ter sido oficializado durante a pandemia, o ideal já vem sendo disseminado há alguns anos. Thiago Barromeo, produtor musical do disco junto com Lúcio Maia (produtor, guitarrista e fundador da banda Nação Zumbi), teve a ideia após diversas produções e parcerias entre a banda Planta e Raiz e artistas como Rappin Hood, Fabio Brazza, Cynthia Luz, Dow Raiz e Adonai (Cidade Verde Sounds).

Ao ver o sucesso das parcerias, o projeto Rap Reggae Party começou a tomar forma. A ideia inicial era adicionar a batida do reggae aos clássicos do rap nacional; porém, após notar grande interesse dos rappers em participar das novas versões de suas músicas, o disco de 8 faixas regravadas virou 8 colaborações incríveis.

Veja Também:  Danielzinho o Kaceteiro do forró grava videoclipe no Rio

O primeiro single, que lança o movimento no meio digital, é Pra Cima, de Thaíde, e participação de Dada Yute. Além do remix, a faixa virá acompanhada de um clipe colorido e alto astral.

As outras sete faixas terão colaborações mais que especiais, como:

Us mano, as mina com Xis ft. Tulipa Ruiz,

O Trem com Heliao RZO e Mato Seco

Rap Du Bom com RappinHood ft. Planta e Raiz

Mun Rá do Sabotage com Dow Raiz

Ainda no trabalho de divulgação do movimento Rap Reggae Party, uma festa de lançamento será realizada em São Paulo, a ser divulgada em breve. Fique ligado nas redes sociais dos artistas para maiores informações!

 

Compartilhe

Warning: A non-numeric value encountered in /home/portalmaismidia/www/wp-content/themes/Newspaper_old/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009