Connect with us

Mais Mídia

Irmãos Zoli, João Zoli e Pedro Zoli, lançam o álbum “REESCREVENDO A HISTÓRIA”

Música

Irmãos Zoli, João Zoli e Pedro Zoli, lançam o álbum “REESCREVENDO A HISTÓRIA”

Novo trabalho tem ligação com suas primeiras faixas: “NÃO ME DEIXE PARTIR” de 2019, se unindo ao seu pai, Cláudio Zoli e “MAPA ASTRAL”, de 2020 produzida por Neobeats, com a participação do Chelles3030.

 

Eles estão fazendo música, boa música, para o público jovem, já agradam a todos que ouvem, pela qualidade das letras e sonoridade. 

 

O Zoli, os irmãos, são jovens ligados à música, desde crianças, pela relação com o pai, e por quem eles conheceram ao longo da vida, com os pais e outros músicos.  

 

A repercussão digital das músicas está subindo, mas ambos têm bastantes seguidores e muitos plays em outros trabalhos e participações, e ambos têm muitos seguidores, qualquer coisa que eles postem tem imediato engajamento.  

 

“REESCREVENDO A HISTÓRIA” 8 faixas dos dois irmãos, com Nobru Oriente na produção dos beats. As músicas contam boas histórias e muitas verdades. Mostram a formação musical, influenciada pelo pai e pela mãe (pianista e cantora). As 8 faixas apresentam uma diversidade de estilo que nos leva a perceber a personalidade dos Zoli.  

 

Sei Lá Uma crônica sobre um relacionamento que não é rotulado, mas parecia ser muito bom. Ele tenta ficar com ela, até perceber que estavam em sintonias diferentes. Ela é uma garota dona da sua vida. Ele respeita isso com elegância. É um romance contemporâneo, com a marca dos novos relacionamentos. 

 

Carioca: Essa música retrata a mulher carioca. Ela está feliz e tranquila em qualquer ambiente. Sem preconceito. É a garota da capa, a mina que passa, estrela da tv. É dona do seu corpo e de seus desejos. É uma mistura de samba com rap, com uma pegada contemporânea. 

 

3 Dias A letra soa como um desabafo, mas não se trata simplesmente de um amor não correspondido. Trata de atração mútua e desencontro de momentos. Um retrato muito bem desenhado dos novos nos tempos atuais. O compromisso não é explícito. É quase velado.  

Veja Também:  Wesley Safadão promete parar o Rio de Janeiro em mais uma super edição do Garota Vip

 

Norte a Sul Uma das músicas que possui referências como: Cigana do Delacruz, Keviin e da Clau; Caio Lucas. A melodia é mais lenta, a composição traz a proposta de viajar por aí. Ninguém está no comando da direção, simbolizando viver uma vida a dois. 

 

Ser Feliz A faixa foi a primeira lançada junto com o videoclipe. A letra remete à busca dos sonhos de cada um. O eterno aprendizado de viver os seus desejos, construir sua vida e não trair a promessa íntima de Ser Feliz.  

 

Sorte ou Azar Fala sobre relacionamento que não deu certo, algo que todos nós passamos em algum momento. Faz falta, mas terminou. E a vida segue, sem culpados. É a exaltação a um amor feliz, bem vivido, mas que acabou sem que ninguém tenha feito algo errado. É mais uma dessas armadilhas do destino.  

 

A Tal da Liberdade A música traz de volta à tona a sensação de liberdade, o saber viver com ela. O refrão “Eu tô vivendo a tal da liberdade” foi a ideia inicial na composição da música. E impacta a todas as pessoas que já tiveram oportunidade e a consciência de estar vivendo a tal da liberdade. Não é uma canção de protesto. É uma saudação. 

 

Vida Traz uma experiência de vida e foi escrita após uma vivência com alguém. Que já habitava o pensamento do autor há um tempo. A música entrou no álbum pela sensibilidade e pela melodia ser mais lenta. Trazendo para o trabalho um mistério que cada um de nós guarda dentro de si.

Da redação

Matérias e conteúdos produzidos por parceiros do Portal Mais Mídia

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Música

To Top